PESQUISA ESTE SITE

Total de visualizações de página

PESSOAS ONLINE






14 abril 2024

PARA VOCÊ QUE FEZ O L: Policiais federais reclamam de falta de gasolina para operações

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Agentes da Polícia Federal listaram problemas que enfrentam durante operações nos estados e informaram à direção da corporação que a falta de combustíveis para as viaturas é um entrave para cumprimento de mandados judiciais, principalmente em cidades distantes.

Documento obtido pela CNN mostra a insatisfação nesse ponto e a cobrança dos policiais dos estados também por diárias –que é o recebimento de verba para ir em missões para pagamento de hospedagem e alimentação, por exemplo.

“Há informes relacionados à escassez de combustível para o abastecimento de viaturas policiais, o que tem provocado o adiamento de missões e os trabalhos contemplados ocorrem em meio a grande dificuldade para a sua obtenção”, diz o ofício.

Segundo os policiais federais, em algumas missões, os agentes acabam tendo que gastar dinheiro do próprio bolso.

“No que diz respeito às diárias, por exemplo, podemos citar o atraso no pagamento de tal indenização aos policiais federais que atuam na área de segurança de dignitários, cujos relatos informam haver atrasos de mais de 30 dias para o recebimento das diárias, bem como há alguns casos em que ainda não ocorreu o pagamento”, diz o documento da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef).

Procurada, a Polícia Federal não se manifestou sobre a falta de combustíveis para operações.

Contingenciamento

Nesta sexta-feira (12), a direção da Polícia Federal enviou ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, um relatório no qual afirma que investigações, operações, contratos de manutenção de terceirizados e a emissão de passaportes podem ser prejudicados por falta de verba.

O documento foi elaborado após o Ministério do Planejamento anunciar um contingenciamento de verba para ministérios. A decisão travou cerca de R$ 133 milhões da PF.

A instituição alega ser preciso não só a liberação deste valor. Segundo a força policial, é preciso o desbloqueio dos R$ 133 milhões e mais uma suplementação de R$ 527 milhões até dezembro.

A Polícia Federal afirma que, se o valor não for revisto, a emissão de passaporte ficará afetada a partir de setembro. Outros setores, no entanto, podem parar já no mês que vem.

Delegados ouvidos pela CNN afirmam que, após o anúncio do contingenciamento, algumas delegacias da PF nos estados já avisaram que podem rescindir contratos com terceirizados e diminuir atendimento nos aeroportos –tanto na parte de passaporte, quanto de migração.

Em março, os ministérios da Fazenda e do Planejamento anunciaram um bloqueio do Orçamento da União na ordem de R$ 2,9 bilhões. O número consta no primeiro relatório bimestral de avaliação de despesas e receitas do ano.

O bloqueio tem o objetivo de cumprir o limite de despesas previstas na nova regra fiscal e será feito nos gastos discricionários, ou seja, os não obrigatórios, que são aqueles livres para que os ministérios possam gastar e envolvem também investimentos.

Os ministérios das Cidades e dos Transportes foram os dois mais afetados. O da Justiça aparece em décimo lugar.

Sobre o contingenciamento na Polícia Federal, o Ministério da Justiça e Segurança Pública informou em nota que reconhece que remanejamentos e cortes orçamentários ocorrem para enquadramento no Regime Fiscal Sustentável, em nome da sustentabilidade fiscal do país.

A pasta afirmou que o secretário-executivo da pasta, Manoel Carlos de Almeida Neto, já está em tratativas com a Junta de Execução Orçamentária para que seja viabilizada a recomposição de parte do orçamento previsto, “para minimizar os impactos na execução das ações previstas para 2024”.

CNN Brasil


 

13 abril 2024

Motorista é preso após marcar recorde de embriaguez constatada por bafômetros da Lei Seca no RN

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Um motorista embriagado alcançou o maior nível de concentração alcoólica constatado pelos bafômetros dos agentes da Operação Lei Seca do Rio Grande do Norte, desde que a seção especializada nesse tipo de fiscalização foi criada no estado há quase 10 anos, em 2015.

A informação foi confirmada neste sábado (13) pela Seção da Operação Lei Seca, da Polícia Militar do RN. A identidade do condutor não foi divulgada.

O caso aconteceu durante uma fiscalização realizada entre a noite de sexta-feira (12) e a madrugada do sábado (13) em Natal. O homem de 48 anos foi parado em uma blitz na avenida João Hélio, no bairro Planalto, Zona Oeste da cidade.

Segundo o major César Fagundes, o aparelho, tecnicamente conhecido como etilômetro, registrou a presença de 1,67 miligrama de álcool por litro de ar expelido - o maior nível já constatado durante uma fiscalização da corporação no estado.

"O aparelho é homologado para atingir no máximo 2.00mg/l. Inclusive ele (condutor) só conseguiu realizar o teste após quatro tentativas", informou o major.

Ainda de acordo com a polícia, o homem estava sem qualquer percepção emocional e não conseguiu realizar a contraprova - um novo teste - na delegacia, para onde foi levado após ser preso em flagrante.

Para se ter uma ideia, são presos nas fiscalizações os motoristas flagrados com concentração alcoólica acima de 0.34mg/l - valor quase cinco vezes menor que o constatado no motorista de 48 anos.

A prisão ocorreu com base no artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que trata de conduzir veículo com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência.

A pena é de detenção de seis meses a três anos, sendo passível de fiança, além de multa e suspensão ou proibição de se obter habilitação para dirigir.

As fiscalizações realizadas ao longo da noite e madrugada nos bairros Planalto e Cidade da Esperança, em Natal, ainda resultaram na autuação administrativa de 16 pessoas por misturar álcool e direção.

Guarda municipal tentou matar colega dentro de viatura no interior do RN, diz Polícia Civil

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Um agente da Guarda Municipal de Macau tentou matar um colega a tiros dentro da viatura da instituição, no dia 5 de abril, segundo concluiu a investigação da Polícia Civil do Rio Grande do Norte.

A cidade fica localizada na região da Costa Branca potiguar, na área central do estado. Nesta semana, os investigadores da 59ª Delegacia de Polícia concluíram o inquérito que apurou o crime e indiciou o suspeito.

Segundo a Polícia Civil, na ocasião, dois guardas municipais entraram em "vias de fato" dentro da viatura. Um deles sacou uma pistola calibre 9 milímetros e atirou em direção ao ouro. Segundo a polícia, no entanto, a vítima não sofreu danos.

O autor do disparo foi autuado em flagrante e teve a prisão convertida em preventiva. Ele deverá responder por tentativa de homicídio.

"No decorrer das investigações, foram ouvidas várias pessoas, dentre as quais familiares, amigos e guardas municipais que estavam também na viatura, que confirmaram um entrave antigo entre os dois", informou a Polícia Civil.

A arma e munições foram encaminhadas ao Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep). Além do indiciamento, também foi solicitado um laudo pericial sobre a sanidade mental do autor do crime.


Tribuna do Norte 

Homem é preso por violência doméstica, posse de arma de fogo e cultivo de drogas

REDAÇÃO ITAJÁ TV
Um homem foi preso, nesta sexta-feira (12), por ameaçar familiares com arma de fogo. O caso aconteceu em Barra do Cunhaú, em Canguaretama. Segundo informações divulgadas pela Polícia Militar, o suspeito estava “excessivamente agressivo”, ameaçando familiares com uma arma de fogo.

A PM, a princípio acionada por causa da ocorrência de violência doméstica, encontraram outros delitos no local. Foi verificado que o suspeito tinha duas armas de fogo e munições, além de cultivar maconha dentro de casa. 

O suspeito foi preso e ficará à disposição da Justiça.

Portal da Tropical 


‘Só por teimosia, Padilha vai ficar muito tempo’, diz Lula em reação a ataques de Arthur Lira

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Presidente Lula (PT) declarou nesta sexta-feira, dia 12, que o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT), está enfrentando um momento de cobrança por seu trabalho, mas afirmou que ele possui competência e não deveria deixar o cargo, apesar das críticas recentes recebidas.

“Esse é o tipo de ministério que costumamos trocar a cada seis meses para que o novo faça novas promessas. Mas apenas por teimosia, Padilha permanecerá por muito tempo nesse ministério”, afirmou durante o evento de inauguração da nova sede da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), em São Paulo. “Porque não há ninguém melhor preparado para lidar com a diversidade dentro do Congresso Nacional como o companheiro Padilha”, completou.

Lula responde Arthur Lira
Essa declaração vem um dia após o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmar que Padilha é “incompetente” e que o petista é seu “desafeto pessoal”. Os ataques aconteceram no contexto de notícias de que Lira saiu enfraquecido depois do plenário da Câmara ter aprovado a manutenção da prisão do deputado federal Chiquinho Brazão (sem partido-RJ), suspeito de ser um dos mandantes do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ).

“Essa notícia hoje, que você está tentando verbalizar, porque os grandes jornais fizeram, foi vazada do governo e basicamente do ministro Padilha, que é um desafeto, além de pessoal, incompetente”, afirmou Lira a jornalistas na véspera.

Lula comparou o trabalho de Padilha ao de um casamento, argumentando que, nos primeiros seis meses, vive-se “no melhor dos mundos”, mas depois começam as cobranças, o que agora está acontecendo com o ministro.

Em um evento no Rio de Janeiro sobre o mercado de energia, Padilha disse que não vai “descer a esse nível” e que seguirá sem “rancor”. O ministro citou o rapper paulistano Emicida. “Sobre rancor, a periferia da minha cidade, São Paulo, produziu uma grande figura, o Emicida. Que diz: ‘Mano, o rancor é igual tumor, envenena a raiz. A plateia só deseja ser feliz'”.

Agricultor é indenizado em R$ 50 mil por poluição sonora de parque eólico

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Um agricultor residente na zona rural da Serra de Santana, no Rio Grande do Norte, será indenizado em R$ 50 mil devido à poluição sonora causada pelo parque eólico próximo à sua residência.

A decisão foi proferida pelo juiz Marcos Vinícius Pereira Júnior, da 1ª Vara de Currais Novos, que reconheceu a responsabilidade da empresa e determinou a indenização.

O autor afirmou que a construção e a operação das torres eólicas, situadas a cerca de 200 metros de sua casa, provocaram trincas, fissuras e rachaduras no imóvel, além do barulho constante, causando danos morais diretos.

A perícia técnica confirmou que os sons das máquinas excediam os limites permitidos pela legislação, causando desconforto ao autor e sua família, especialmente durante a noite.

O juiz constatou os danos e ainda ressaltou que Serra de Santana é conhecida por sua tranquilidade, mas que esta foi prejudicada pela instalação das torres eólicas em desacordo com a lei.

Apesar da decisão favorável quanto aos danos morais, o pedido de indenização por danos materiais foi considerado improcedente devido à dificuldade de estabelecer um nexo causal entre os danos do imóvel e as torres eólicas.

Prefeito de Ipanguaçu tripudia da população que se manifestou contra a Governadora, os chamando de "Gatos pingados”

REDAÇÃO ITAJÁ TV




O prefeito de Ipanguaçu foi a rádio, mas em seus discursos chamou a população que se manifestava de "Gatos pingados". Por que o prefeito age dessa forma? A manifestação não foi legítima? Só porque o atual prefeito está aliado a governadora não pode mais se manifestar contra ela?

A população que se manifestou de forma pacífica, dentro de Ipanguaçu, cobrou da governadora a responsabilidade que ela não cumpriu, pois a responsabilidade de desassorear o rio Pataxó para que evitar que a cidade fosse ainda mais inundada era da governadora Fátima Bezerra e também a cobrança da reforma do açude do Pataxó. Visto que colocaram 11.6 milhões para estender a parede do açude e até hoje essa reforma não aconteceu.

Por ela não ter cumprido seu papel de desassorear o rio, as águas de forma volumosa inundaram a cidade (principalmente na Ubarana), pois o leito do rio ainda estava fechada no final do percurso, com isso invadindo muitas casas que não deveria.

Porém, o prefeito por ser aliado da governadora foi tripudiar da população que se manifestou ordeiramente, apenas exigindo os seus direitos. 

Prefeito, você defende os interesses da população, ou os interesses da sua governadora?


Com informação movimento endireita Ipanguaçu

Tragédia: Jovem de 17 anos morre em acidente de trânsito na RN 015 entre Mossoró e Baraúna

REDAÇÃO ITAJÁ TV

O jovem Francisco Gledson Ferreira da Silva , 17 anos, residente em Baraúna, perdeu a vida em trágico acidente de trânsito, ocorrido por volta das 22h00min desta noite de sexta feira 12 de abril de 2024, na RN 015 entre Mossoró e Baraúna na região Oeste Potiguar

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, o jovem trafegava de motocicleta, pela rodovia estadual sentido Baraúna, quando perdeu o controle do veículo e caiu da moto na pista de rolamento.

Um veículo, não identificado, mas possivelmente uma carreta que travegava no mesmo sentido, não teve tempo para frear e passou por cima da cabeça do adolescente.

O motorista atropelador ainda não foi identificado, tendo em vista que o mesmo se evadiu do local. Foi realizada a perícia no local, pela equipe do Itep e em seguida o recolhimento do corpo para exames no IML.

No local peças do veículo atropelador ficaram na acostamento da via. O caso vai ser investigado pela 39ª Delegacia Distrital sobo comando do delegado José Vieira de Castro.

Elon Musk diz que Lula indicar Zanin ao STF representou ‘grande conflito de interesse’

REDAÇÃO ITAJÁ TV

O empresário Elon Musk voltou a criticar o governo e o Judiciário brasileiros na sexta-feira, 12. Em resposta a uma postagem no X (antigo Twitter) sobre a indicação do ministro Cristiano Zanin ao Supremo Tribunal Federal (STF), o bilionário disse que o fato de o magistrado ter sido advogado de defesa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva é um “grande conflito de interesse”.

Musk tem publicado críticas diretas ao ministro do STF Alexandre de Moraes desde a semana passada, quando afirmou que desbloquearia contas suspensas após determinação judicial do Tribunal. O bilionário acusa o Judiciário de censura, por ações tomadas no âmbito do inquérito das Milícias Digitais e do 8 de Janeiro, e chegou a dizer que Moraes é um “ditador” que tem “Lula na coleira”.

Desta vez, o empresário respondeu a uma postagem no X que dizia que Lula tinha indicado seu “advogado pessoal” ao STF. Zanin ficou conhecido por defender o petista em processos relacionados à Operação Lava Jato.

Em outra postagem, Musk também se manifestou sobre a indicação de Flávio Dino ao Supremo. Ele respondeu a uma publicação do deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG), que afirmou que Dino era um “velho aliado do Partido Comunista”. Antes de virar ministro, Dino foi senador e governador do Maranhão filiado ao PCdoB.

Disputa entre Musk e Alexandre de Moraes

Desde a semana passada, o dono do X tem utilizado a rede social para tecer críticas a Alexandre de Moraes. Musk afirmou que removeria as restrições determinadas pelo ministro e que ele deveria “renunciar ou sofrer um impeachment” por “trair descaradamente e repetidamente a Constituição e a população do Brasil”.

Em resposta, Moraes incluiu o bilionário como investigado no inquérito das milícias digitais por “dolosa instrumentalização” da rede social. O ministro também ordenou a abertura de um inquérito à parte sobre o empresário por suposta obstrução de Justiça “inclusive em organização criminosa e incitação ao crime”.

Durante sessão plenária do STF, na quarta, 10, Moraes se manifestou publicamente sobre a polêmica iniciada pelo empresário. “Talvez alguns alienígenas não saibam, mas passaram a aprender e tiveram conhecimento, da coragem e seriedade do Poder Judiciário brasileiro”, disse.

“A população brasileira, as pessoas de bem, sabem que liberdade de expressão não é liberdade de agressão, não é liberdade para proliferação do ódio, do racismo, da misoginia, da homofobia, não é liberdade de defesa da tirania”, emendou o ministro.

fonte: Estadão Conteudo

Governo Lula suspende publicidade no x após embate entre Musk e Moraes

REDAÇÃO ITAJÁ TV

O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) suspendeu nesta sexta-feira, 12, a formalização de novos contratos de publicidade no X (antigo Twitter). A decisão ocorre após o dono da plataforma, o bilionário Elon Musk, usar a rede social para criticar o petista e o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes.

O governo sustenta que a suspensão foi baseada em uma norma da Secretaria de Comunicação Social (Secom) que restringe a veiculação de anúncios governamentais em canais que promovem desinformações. A informação foi confirmada pelo Estadão.

A suspensão não tem prazo para terminar. A medida estará vigente até que o Planalto decida sobre um possível embargo permanente à plataforma de Musk.

Como mostrou o Estadão, entre janeiro e abril deste ano, o governo Lula destinou R$ 654 mil aos cofres da rede social X para impulsionar “publicações de utilidade pública” e ações de comunicação institucional.

Os gastos foram realizados por seis Ministérios e pela Presidência da República. As pastas firmaram 95 contratos, de acordo com os dados disponíveis no Portal da Transparência. A Secom foi a recordista de repasses à rede social de Musk. Foram destinados mais de R$ 263 mil à plataforma por meio de 37 contratos desde o início do governo Lula, em janeiro do ano passado.

Também nesta sexta, Lula publicou pela primeira vez na rede social BlueSky. Logo após a criação da conta, Lula fez a primeira publicação no perfil sobre a visita dele a uma planta frigorífica em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, que recebeu licença para exportar produtos para a China. Lula manteve ativa sua conta no X.

Dono do X chamou Moraes de ‘ditador’ e disse que magistrado tem Lula ‘na coleira’

No sábado, 6, Musk utilizou a sua rede social para acusar Moraes de infringir a Constituição brasileira e promover a censura em decisões judiciais. Além do X e da Tesla, Musk é dono da startup de foguetes SpaceX, que pretende levar astronautas para a Lua em parceria com a Nasa.

No domingo, 7, Musk disse que Moraes deveria renunciar à sua cadeira na Corte ou sofrer um impeachment. Em resposta, o ministro incluiu o empresário como investigado no inquérito das milícias digitais por “dolosa instrumentalização” do X. Na segunda, 8, o empresário novamente atacou o ministro, chamando-o de “ditador” e afirmando que ele teria o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) “na coleira”.

Lula reagiu às críticas de Musk e alfinetou o empresário indiretamente em dois eventos do governo federal. Na terça-feira, 9, ele disse que o dono do X deveria usar o seu dinheiro para “ajudar a preservar” o meio ambiente. Na quarta-feira, 10, o petista chamou o bilionário de “empresário americano que nunca produziu um pé de capim” no Brasil.

Estadão Conteúdo

Parte da parede do açude municipal de Venha Ver se rompe nesta sexta-feira

REDAÇÃO ITAJÁ TV
Uma parte da parede do açude municipal de Venha Ver, cerca de 452 quilômetros de Natal, se rompeu na madrugada da quinta para esta sexta-feira (12). De acordo com o município, o motivo da estrutura ter se rompido foi o aumento das chuvas na região.

Um vídeo publicado nas redes sociais mostra o exato momento em que parte da parede do açude desmoronou. De acordo com a Defesa Civil da cidade, a situação está estabilizada e ninguém se feriu.

Segundo o Governo do RN, uma equipe da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) viajaram para o local.

Outra preocupação por parte do poder público é para quem mora na Vila Caldeirão, no município vizinho de Coronel João Pessoa, que fica localizada embaixo do açude.


Polícia do Pará prende mais 2 suspeitos de ajudar fugitivos de Mossoró

REDAÇÃO ITAJÁ TV

A Polícia Civil do Pará prendeu mais duas pessoas suspeitas de colaborarem com Rogério da Silva Mendonça e Deibson Cabral Nascimento, os fugitivos do Presídio Federal de Mossoró (RN) que foram presos 50 dias após a fuga. Os suspeitos foram presos no distrito de Mosqueiro e no município de Vigia na quarta-feira (10).

Os dois homens, que não tiveram os nomes divulgados, foram presos a partir da Operação Caronte, deflagrada justamente para execução dos mandados de prisão preventiva da dupla. Os presos irão responder por favorecimento pessoal dos foragidos e associação criminosa armada.

Em nota divulgada pela Polícia Civil, o delegado-geral, Walter Resende, explicou que os suspeitos providenciaram uma embarcação com pescadores locais para trazerem os fugitivos da baía para a terra quando chegaram ao Pará. A embarcação que teria sido utilizada durante a fuga foi localizada e periciada pelas autoridades, segundo o delegado.

A Polícia afirma que ambos os presos integram facções criminosas. Um deles, localizado em Mosqueiro, perto de Belém, teria papel destaque em uma facção, atuando como responsável pela distribuição de drogas em grande escala.

Ele é considerado o principal envolvido na facilitação da fuga de Rogério e Deibson. O segundo preso, localizado em Vigia, teria colaborado com a fuga na passagem dos foragidos pela capital paraense.

De acordo com a Polícia Civil, os suspeitos já estão inseridos no sistema prisional onde permanecem à disposição da Justiça.

Fonte: Estadão

GREVE: 19 universidades e IFs vão parar as atividades a partir de segunda-feira (15)

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Professores de diversas universidades e institutos federais aprovaram greve reivindicando reajuste salarial e equiparação dos benefícios dos servidores públicos federais àqueles concedidos ao legislativo e judiciário, ainda em 2024. Os servidores técnico-administrativos de pelo menos 30 institutos federais já estão em greve há um mês.

Os professores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aprovaram um indicativo de greve e vão decidir se adere à greve nacional nos dias 15 e 16 de abril. Caso aprovada, a greve será por tempo indeterminado a partir do dia 22 de abril. Com relação aos Institutos Federais de Educação no RN, a informação é que 23 unidades no estado aderiram à paralisação.

Até o momento, são pelo menos:

– 2 institutos federais e 1 universidade em greve;

– 7 universidades em estado de greve (podem entrar em greve a qualquer momento);

– 17 universidades e 2 institutos com greve marcada para 15/4;

– 3 deflagrações/indicativos de greve após 15/4;

– 5 indicativos/construções de greve aprovadas sem data de deflagração.

O País tem 69 universidades federais e 38 institutos federais.

As três instituições de ensino ligadas ao Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes) que estão em greve são: o câmpus Rio Grande do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), o Instituto Federal do Sul de Minas Gerais (IF Sul de Minas) e a Universidade Federal do Rio Grande (FURG). Confira a lista das demais universidades abaixo.

Os professores de instituições federais pedem que o reajuste salarial seja de 22%, dividido em 3 parcelas iguais de 7,06% em maio de 2024, 2025 e 2026. Já os servidores-técnico administrativos pedem por um reajuste maior, de 34%, também dividido em três parcelas em 2024, 2025 e 2026.

Segundo o sindicato da categoria, os porcentuais correspondem às perdas salariais desde o governo do ex-presidente Michel Temer, em 2016, até dezembro de 2023, acrescidas das projeções inflacionárias de 2024 e 2025.

A proposta do governo é de que não haja reajuste salarial em 2024, mas tem como contraproposta o aumento de benefícios e auxílios pagos aos funcionários públicos, sendo o principal deles o auxílio-alimentação com 52% de aumento, de R$ 658 para R$ 1.000.

Os valores do auxílio-creche e do auxílio-saúde seriam reajustados, conforme proposta do governo, em 51% para todos os servidores públicos federais ativos.

“Apenas o aumento do auxílio-alimentação resultaria em ganho de renda de mais de 4,5% para mais de 200 mil servidores ativos – que são os que ganham até R$ 9 mil mensais”, afirma o Ministério de Gestão e Inovação.

O governo chegou a propor dois reajustes salariais de 4,5%, um em 2025 e outro em 2026, “que somados aos 9% já concedidos (no ano passado), representariam recomposição salarial de 19%, o que ficaria acima da inflação projetada para o período”, segundo informou a pasta.

A oferta dos dois reajustes de 4,5% para os próximos anos foi rejeitada pelo sindicato, que quer a recomposição salarial ainda em 2024.

Os servidores públicos federais pedem pelo “revogaço”, isto é, a revogação de uma série de leis implementadas nos últimos governos, como as jornadas especiais de trabalho, procedimentos administrativos diante de greve no serviço público, a centralização no INSS das pensões e aposentadorias, e a contrarreforma da previdência social.

Eles reivindicam ainda por um compromisso de negociação prévia com a bancada sindical a respeito da PEC da Reforma Administrativa, além da implementação dos acordos de reestruturação das carreiras e a instalação dos acordos feitos em mesas de carreiras (fóruns de discussão de pautas não financeiras).

“O governo se comprometeu a implantar até julho todas as mesas específicas de carreiras que ainda não foram abertas no âmbito da Mesa Nacional de Negociação Permanente. Atualmente são 18 mesas de negociações específicas abertas. Dez mesas já chegaram a acordos e oito estão em andamento”, afirma o Ministério de Gestão e Inovação.

Já o MEC afirmou que “vem envidando todos os esforços para buscar alternativas de valorização dos servidores da educação, atento ao diálogo franco e respeitoso com as categorias” e que equipes da pasta vêm participando da mesa nacional de negociação e das mesas específicas de técnicos e docentes instituídas pelo Ministério de Gestão e Inovação, e da mesa setorial que trata de condições de trabalho.

Veja a lista de universidades em que os professores estão ou podem entrar em greve:

Em greve
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) – campus Rio Grande;

Instituto Federal do Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS);

Universidade Federal do Rio Grande (FURG).

Em estado de greve
Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ);

Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO);

Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ);

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM);

Universidade Federal do Pampa (Unipampa);

Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA);

Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Greve aprovada para 15/04
Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);

Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG);

Instituto Federal do Piauí (IFPI);

Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB);

Universidade Federal de Brasília (UnB);

Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF);

Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP);

Universidade Federal de Pelotas (UFPel);

Universidade Federal de Pernambuco (UFPE);

Universidade Federal de Viçosa (UFV);

Universidade Federal do Cariri (UFCA);

Universidade Federal do Ceará (UFC);

Universidade Federal do Espírito Santo (UFES);

Universidade Federal do Maranhão (UFMA);

Universidade Federal do Pará (UFPA);

Universidade Federal do Paraná (UFPR);

Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB);

Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa);

Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR);

Com deflagração/indicativo de greve após 15/04:

Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET-RJ);

Universidade Federal de Uberlândia (UFU);

Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA).

Com indicativo/construção de greve aprovada sem data de deflagração
Universidade Federal do Piauí (UFPI);

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB);

Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE);

Universidade Federal da Paraíba (UFPB);

Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM)

Novo Notícias com informações de Estadão Conteúdo

Em visita à China, deputada Isolda Dantas posa com boné do exército comunista chinês

REDAÇÃO ITAJÁ TV

A deputada estadual Isolda Dantas (PT), está na China há cinco dias para participar de um evento do partido comunista chinês, que comanda a maior ditadura comunista do mundo. 

A deputada compartilhou nesta sexta-feira (12) imagens de um de seus passeios pelo país. Em uma das fotos, Isolda aparece usando um boné do exército comunista chinês.

“Entre uma agenda e outra, visitamos a Muralha da China. E gente… é realmente incrível! Uma construção de mais de 2.000 km cortando o território do país de leste a oeste. Eu andei, subi, e nossa… Cansei. É muita coisa para ser vista de uma vez só ou para eu ver sozinha”, escreveu Isolda.

Isolda está na China para participar de um seminário entre o Partido Comunista Chinês (PCC) e o Partido dos Trabalhadores (PT).

Por Mossoró Notícias

Após mais de 70 dias, morte da advogada Brenda continua sem respostas

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Já se passaram 71 dias desde o assassinato brutal da advogada Brenda dos Santos de Oliveira, de 26 anos. A Ordem dos Advogados do Rio Grande do Norte (OAB-RN) cobra a solução do caso que segue sem respostas.

Brenda e o cliente que defendia, Janielson Nunes de Lima, de 25 anos, também conhecido como “Gordo da Batata”, foram mortos ao saírem de uma delegacia de polícia no município de Santo Antônio (RN), a cerca de 75 quilômetros de Natal.

O presidente da OAB-RN, Aldo Medeiros, falou para o Patrulha da Cidade sobre as preocupações da ordem no tocante à resolução do caso. “As coisas foram se tornando morosas e o advogado que nós designamos para acompanhar todas as atividades, doutor Anesiano Ramos, ficava sem notícias para nos trazer e com um certo desânimo de que o trabalho não tinha uma ponta que nos trouxesse segurança de que as coisas estavam sendo apuradas”, afirma o presidente da entidade.

“Aparentemente não houve prioridade, não quero avaliar se é por vontade ou má vontade, eu acredito que não. Mas não está havendo condições de chegar rapidamente à solução de um crime que foi tão expressamente clamoroso a forma como foi cometido e o número de pessoas que foram envolvidas. Estamos chocados com essa demora. Já pedi uma audiência com a governadora e não consegui ainda”, enfatiza Aldo Medeiros.

Ponta Negra News 

Igarn vai notificar proprietários de barreiros e açudes particulares que transbordaram

REDAÇÃO ITAJÁ TV

O Instituto de Gestão de Águas (Igarn) vai notificar os proprietários de barreiros e do açude particulares que transbordaram na região onde ficava a ponte destruída pela força da água, causando a interdição da BR-304, em Lajes.

Hoje, Rio Grande do Norte conta com um total de 23 reservatórios, que estão com 100% da capacidade. Quinze deles possuem mais de 5 milhões de metros cúbicos.

Segundo o Igarn, o transbordamento do rio Ponta da Serra, que destruiu uma ponte, bloqueando a BR 304, foi ocasionado pela sangria de barreiros e do açude Itapoã, todos particulares e que até então não eram monitorados pelo instituto.

Os proprietários notificados deverão apresentar um projeto de redimensionamento, vertedouro e lâmina de sangria especificado para evitar que o que aconteceu em Lajes se repita.

“Usaremos todos os expedientes legais para que esse açude não seja recomposto sem que ele, seja devidamente legalizado, sem que se apresente um plano de segurança da barragem”, informou o diretor-presidente do Igarn, Paulo Sidney.

Ponta Negra News 

Padre é preso na Paraíba com 49 munições e duas armas

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Um padre de Pernambuco foi preso em flagrante pela Polícia Militar da Paraíba, na última quinta-feira (11). A prisão do religioso, identificado como Diozene Francisco, ocorreu na cidade de Campina Grande, na Paraíba. Ele estava em um carro, quando foi abordado durante uma blitz da Companhia de Policiamento de Trânsito (CPTran).

No momento da prisão, o padre, que atua na Paróquia de Chã Grande, no interior de Pernambuco, estava com um revólver calibre 38 e uma pistola .40, registrada no nome de um policial militar de Pernambuco.

Também foram localizadas no carro 49 munições, algumas delas deflagradas, além dois rádios comunicadores e uma câmera portátil.

Ele foi autuado por porte ilegal de armas e munições e encaminhado para a Central de Polícia. Se condenado, ele pode pegar de dois a quatro anos de detenção, além de multa.

Em pronunciamento, a Diocese de Caruaru, responsável pela paróquia, emitiu uma nota oficial nas redes sociais, expressando tristeza diante do ocorrido com o padre.

“É com tristeza que a Diocese de Caruaru se pronuncia sobre o recente fato envolvendo o padre Diozene Francisco, que foi detido pelas autoridades na cidade de Campina Grande-PB”, diz parte da nota.

“Como não há registros anteriores de comportamento inadequado ou ilegal por parte do Padre, a Diocese está acompanhando de perto o desenrolar do caso e confiando na justiça para esclarecer o ocorrido”, continua a nota da Diocese.

“Cumpre ressaltar que o padre está sendo acompanhado por advogados próximos a ele, os quais estão prestando todo o suporte necessário. Após os devidos esclarecimentos legais, a Diocese tomará as medidas necessárias do ponto de vista canônico”, conclui.

 
 



TV JORNAL

 

Acidente com vitima fatal é registrado próximo ao posto de combustível na BR-304 em Itajá

REDAÇÃO ITAJÁ TV


  Nesta manha de sábado, 13 de abril de 2024, aconteceu um acidente as margens da BR 304, em Itajá, interior do Rio Grande do Norte. Segundo informações, o motorista de nome Francisco Deassis da Silva, mais conhecido por “Neném Vaqueiro” estaria bebendo em um posto que fica as margens da BR e ao sair por volta das 05hs, sentido a Itajá, teria errado o caminho e caiu no buraco.
Populares ainda conseguiram retirar o motorista,  que foi socorrido para o hospital maria carmelita pessoa em Itajá, mas infelizmente, já deu entrada sem vida na unidade hospitalar. 

Neném estava sozinho no carro quando o acidente aconteceu. "Pelo que vi ele já estava morto quando tiraram". testemunhou um popular.

O corpo de bombeiros esteve no local, e deu inicio a retirada do veículo.



12 abril 2024

Homem é morto a tiros enquanto caminhava na redinha em natal

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Na noite desta sexta-feira (12) de abril de 2024 por volta das 20h30, um homem  identificado por Marcelo  Silveira do Nascimento com idade de 39 anos, foi morto a tiros por dois criminosos na redinha em natal, de acordo com informações, a vítima estava caminhando quando foi surpreendido por dois criminosos que pararam iniciaram uma conversa, logo após efetuaram vários tiros contra a vítima, que correu e caiu ao solo e morreu na hora, a vítima era um detento de um regime semiaberto, a polícia militar isola o local do crime, e os peritos do instituto científico de perícia ITEP, realiza a remoção do corpo para a sede do orgão em natal, o crime será investigado pela delegacia de divisão de Homicídios e proteção a pessoa DHPP.
 

Seridó ganha Usina de Asfalto fruto de emenda parlamentar do senador Styvenson Valentim

REDAÇÃO ITAJÁ TV



 
_A Usina de Asfalto foi inaugurada na manhã desta sexta-feira (12), no município de Cruzeta e vai beneficiar 24 municípios da região do Seridó_
 
 
O senador Styvenson Valentim (Podemos RN) inaugurou na manhã desta sexta-feira (12), no município de Cruzeta, a primeira Usina de Asfalto do Rio Grande do Norte. A usina, que está localizada às margens da RN 288 (Sentido Cruzeta à São José do Seridó), recebeu recursos da ordem de R$ 2,5 milhões do mandato do senador e vai beneficiar 24 municípios da região do Seridó.
 
“Estamos dando para os municípios agilidade, trafegabilidade, mobilidade e baixo custo do asfalto. Essa usina vai baratear o quilômetro do asfalto em até seis vezes. Estamos asfaltando sonhos”, disse o senador. Ele declarou que essa é a primeira de outras três usinas. “Já estamos licitando uma para o Alto Oeste. Outra para o Potengi e depois uma para o Agreste”, animou-se.
 
“Hoje é um dia histórico para toda a região do Seridó. Queremos agradecer ao senador Styvenson que possibilitou esse importante equipamento. Essa usina será de fundamental importância para Cruzeta. Com ela, vamos trazer mais qualidade de vida para todos da região”, destacou o prefeito do município de Cruzeta, Joaquim de Medeirinho.
 
Para o presidente do Consórcio Intermunicipal Multifinalitário do Seridó (CIM –Seridó), Sérgio Fernandes, a ação vai gerar desenvolvimento e melhoria da infraestrutura de toda região. “Vai melhorar a malha asfáltica de toda a região do Seridó. Através do mandato do senador Styvenson e graças a competência da equipe da Prefeitura de Cruzeta. Vamos conseguir asfaltar ruas a um custo bem mais em conta”, pontuou.

Corpos de quatro jovens desaparecidas no Ceará são encontrados

REDAÇÃO ITAJÁ TV

Corpos de quatro jovens desaparecidos foram encontrados com sinais de violência nas cidades de Tianguá e Itarema, no interior do Ceará. Um dos corpos foi encontrado na última sexta-feira, 5, e os outros três foram localizados nesta quarta-feira, 4.

As vítimas foram identificadas como Ana Vitória, cuja idade não foi divulgada; Eveline Souza Mendes, de 18 anos; Marina Nascimento Souza, prima de Eveline, com 15 anos; e Júlia Rafaela, de 17 anos.

Ana Vitória também havia desaparecido em Tianguá, em 23 de março. Testemunhas relataram que ela foi levada da casa do namorado por dois homens, conforme informações do portal G1.

Eveline e Marina desapareceram em 1º de abril, em Tianguá, mas sob circunstâncias distintas. Eveline teria sido abordada por um casal que a conduziu até um mototáxi. Marina desapareceu depois de sair da residência do namorado, também em um mototáxi.

As primas foram encontradas juntas após nove dias de busca, enterradas em uma cova na área rural de Tianguá. Elas apresentavam sinais de tortura, e uma das vítimas estava com uma corda amarrada ao pescoço.

Dois adolescentes de 15 anos foram levados para a Delegacia Regional de Tianguá, suspeitos de ato infracional semelhante ao homicídio.

Júlia Rafaela, de 17 anos, foi à praia no domingo, 7, e não retornou para casa, no Loteamento Novo, no município de Itarema. Seu corpo foi encontrado na manhã desta quarta-feira, 10, com ferimentos causados por disparos de arma de fogo.

Jornalista diz que errou ao afirmar que Moraes quis processar advogado do X

REDAÇÃO ITAJÁ TV

O jornalista norte-americano Michael Shellenberger admitiu, nesta quinta-feira 11, que errou ao afirmar que o ministro Alexandre de Moraes ameaçou processar criminalmente um advogado brasileiro do X – antigo Twitter.

Em um post no X, Shellenberger diz que não tem provas do suposto processo criminal. “Isso está incorreto”, escreveu.

Na verdade, o processo se referia uma ação do Ministério Público de São Paulo. Segundo um documento publicado pela advogada Estela Aranha, ex-secretária do Ministério da Justiça, para rebater o jornalista, a ação pedia acesso a dados cadastrais para prender uma liderança do PCC.

Porém, Michael Shellenberger diz que os arquivos do chamado “Twitter Files Brasil”, como ficou conhecido os textos publicados por ele, são precisos. “No texto acima eu inadvertidamente misturei a exigência de Moraes de desmascarar as identidades das pessoas que usaram essas hashtags com casos diferentes. Lamento o erro e peço desculpas pelo meu erro”.

O jornalista norte-americano Michael Shellenberger admitiu, nesta quinta-feira 11, que errou ao afirmar que o ministro Alexandre de Moraes ameaçou processar criminalmente um advogado brasileiro do X – antigo Twitter.

Em um post no X, Shellenberger diz que não tem provas do suposto processo criminal. “Isso está incorreto”, escreveu.

Na verdade, o processo se referia uma ação do Ministério Público de São Paulo. Segundo um documento publicado pela advogada Estela Aranha, ex-secretária do Ministério da Justiça, para rebater o jornalista, a ação pedia acesso a dados cadastrais para prender uma liderança do PCC.

Porém, Michael Shellenberger diz que os arquivos do chamado “Twitter Files Brasil”, como ficou conhecido os textos publicados por ele, são precisos. “No texto acima eu inadvertidamente misturei a exigência de Moraes de desmascarar as identidades das pessoas que usaram essas hashtags com casos diferentes. Lamento o erro e peço desculpas pelo meu erro”.

Lira diz que Padilha é “desafeto” e chama ministro de Lula de “incompetente”

REDAÇÃO ITAJÁ TV

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), chamou o ministro-chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, de “incompetente” e se referiu ao petista como um “desafeto”.

O presidente da Câmara subiu o tom após ser questionado sobre a articulação de Padilha para que a Câmara mantivesse a prisão do deputado federal Chiquinho Brazão (sem partido-RJ) – o que acabou ocorrendo, na quarta-feira 10. Perguntado se o caso demonstrou enfraquecimento da liderança dele, Lira disparou.

“Foi do governo e, basicamente, do ministro Padilha (que teriam partido relatos de que ele estaria insatisfeito com a articulação), que é um desafeto, além de pessoal, incompetente”, afirmou.

Na quarta, Padilha passou o dia em contato com parlamentares para garantir que a base do governo votaria pela manutenção da prisão do deputado, suspeito de envolvimento na morte da vereadora carioca Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, em 2018.

No plenário da Câmara, o placar pela manutenção da prisão de Chiquinho Brazão foi apertado, de 277 votos a favor a 129 contrários; também houve 28 abstenções. Era preciso, no mínimo, 257 votos favoráveis para que o deputado continuasse na penitenciária federal de Campo Grande.