PESQUISA ESTE SITE

Total de visualizações de página

PESSOAS ONLINE



26 novembro 2023

CICLISTA DE 46 ANOS NATURAL DE ANGICOS MORRE VÍTIMA DE ACIDENTE DE TRÂNSITO NO BAIRRO SANTO ANTÔNIO EM MOSSORÓ

POR ISMAEL JEFFERSON

Um acidente de trânsito fatal foi registrado no início da noite deste domingo 26 de novembro de 2023, na Rua Prudente de Morais, ao lado do Posto Olinda, no Bairro Santo Antônio em Mossoró, no Oeste Potiguar.

Antônio Mário Gomes de Brito, 46 anos, natural de Angicos/RN, trafegava em sua bicicleta e ao chegar em frente ao apartamento onde morava, pedeu o equilíbrio, foi pra cima de um carro do tipo ônix que passava no local e ao bater de leve no retrovisor do veículo, caiu e morreu na hora.

O motorista permaneceu no local, acionou o socorro médico e os agentes de trânsito. O SAMU foi ao local, mas nada pode fazer, uma vez que a vítima já estava em óbito. As equipes da Delegacia de Plantão e do ITEP realizaram os procedimentos no local.

O corpo foi recolhido para exames necroscópicos e depois será liberado para seua familiares. Ninguém da família compareceu no local do acidente. O motorista prestou depoimento ao delegado Renato Oliveira e em seguida liberado.

Fim da linha 

TENTATIVA DE ASSALTO TERMINA EM TROCA DE TIROS, UM ASSALTANTE MORTO E OUTRO FERIDO NO PLANALTO 13 DE MAIO EM MOSSORÓ

POR ISMAEL JEFFERSON

Uma tentativa de assalto ocorrida no início da noite deste domingo 26 de novembro de 2023, termina com um assaltante morto e outro baleado.

O fato se deu no cruzamento das Ruas Martins Júnior com Dona Doca Duarte ao lado da Igreja Betel no Planalto 13 de Maio em Mossoró no Oeste Potiguar.

De acordo com a PM, um policial rodoviário federal, chegava em seu carro com a esposa, para o culto, quando dois homens em uma moto Bros, se aproximaram e anunciaram o assalto.

O policial conseguiu sair do carro e trocou tiros com os assaltantes. O piloto da moto, identificado como Ronaldo Rallyson de Araújo Lima, 26 anos, morador do Assentamento Olga Benário, na Maísa, zona rural de Mossoró, foi alvejado e morreu no local.

Já o garupa, também foi baleado e mesmo ferido conseguiu correr até UPA do São Manoel epedir socorro. Após receber os primeiros atendimentos ele foi transferido pelo SAMU para o Hospital Tarcísio Maia.

Com o baleado ainda não identificado, a PM apreendeu uma arma de fogo do tipo revólver com seis munições todas deflagradas. O carro do PRF teve o parabrisa atingido por um disparo, do lado onde estava a esposa dele grávida, mas felizmente ela não foi atingida. O policial também saiu ileso da trroca de tiros.

De acordo com a polícia, o assaltasnte morto, respondia processos na justiça, por porte ilegal de arma de fogo e roubo. O corpo de Ronaldo Rallysson, foi recolhido pelo ITEP e encaminhado ao IML para exames de necropsia.


Fim da linha 

GASTROLOGO E FILHA DE 2 ANOS SÃO AS VÍTIMAS DA TRAGÉDIA NA BR-304

POR ISMAEL JEFFERSON

As duas vítimas fatais do trágico acidente ocorrido na manhã deste domingo (26), na BR-304, entre São Pedro e Santa Maria, foram identificadas. O gastrólogo Joabson Mathias e sua filha, Elisa Fernandes Mathias, de apenas dois anos de idade, estavam no veículo que colidiu frontalmente contra uma carreta. As informações são do perfim @Upanema no Instagram.

Segundo informações da PRF, o acidente foi registrado por volta das 08h15. Além das vítimas fatais, outras duas pessoas ficaram feridas e receberam socorro, enquanto o motorista do caminhão sofreu apenas ferimentos leves.

O acidente mobilizou diversas equipes de resgate, com viaturas do SAMU, Corpo de Bombeiros e até o helicóptero da Secretaria de Segurança Pública, todas atuando no local para o socorro das vítimas presas às ferragens. As vítimas foram socorridas para o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal. 

Joabson, que residia em Upanema, era casado com a psicóloga Ione Casuza e também o proprietário do Seu Mathias Bistrô. A cidade local ficou abalada com a trágica notícia.


Com informações blog Ismael Sousa 

SUSPEITO DE AMEAÇAR CUNHADO DE MORTE É PRESO NO INTERIOR DO RN

POR ISMAEL JEFFERSON

A 7ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), através de seus policiais militares de serviço, respondeu a uma ocorrência, em que um homem ameaçava de morte seu próprio cunhado no distrito de Olho D’água, na cidade de Pureza, no interior do Rio Grande do Norte. O suspeito foi identificado e preso. 
Após a constatação do caso, houve a apreensão de duas espingardas e munições que estavam em posse do suspeito.
As armas e os envolvidos foram encaminhados à Delegacia de Plantão da Zona Norte de Natal, onde foram tomadas as medidas legais cabíveis.

Agora/RN

APÓS ROMPER TORNOZELEIRA HOMEM É PRESO COM ARMAS NA RODOVIÁRIA DE NATAL

POR ISMAEL JEFFERSON

Um homem foi preso dentro da rodoviária de Natal, em Cidade da Esperança, zona Oeste de Natal, nesse sábado (25). De acordo com a Polícia Militar, o suspeito estava com duas armas e munições. Ele foi encaminhado para a delegacia.

Segundo a PM, os militares foram acionados após uma denúncia apontar que um suspeito por tráfico de drogas iria embarcar em um ônibus para Caicó. Os militares abordaram ônibus que fazem o trajeto, mas o homem não foi localizado.

As diligências se voltaram para o saguão do terminal rodoviário. Lá, o suspeito foi localizado, conforme relato da PM. Com ele, foram encontradas duas armas de fogo. Uma pistola Taurus G2C 9 mm, equipada com três carregadores contendo 35 munições do mesmo calibre, e um revólver 38 da marca Taurus Special, com capacidade para 5 tiros, porém sem munições.

Além disso, de acordo com a polícia, o suspeito assumiu que era tornozelado, mas que havia rompido o dispositivo. Ao ser encaminhado para a Delegacia de Plantão da zona Sul, ainda foi descoberto um mandado de prisão em aberto contra ele.
 

MOTORISTA MORRE EM COLISÃO FRONTAL ENVOLVENDO DOIS VEÍCULOS EM RODOVIA ESTADUAL

POR ISMAEL JEFFERSON

Um homem morreu após colidir seu veículo frontalmente com outro carro na RN-003, nas proximidades da entrada do município de Várzea, na manhã deste domingo (26). A vítima ficou presa às ferragens e faleceu na hora.

De acordo com informações preliminares, o condutor teria invadido a contramão e batido de raspão em um primeiro carro. Em seguida, acertou outro veículo que estava em sentido contrário. Com o impacto, o carro ficou destruído e ele morreu preso às ferragens.

O Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE) esteve no local e fez o registro da ocorrência. Ainda não se sabe o que provocou o acidente. A Polícia Civil deverá investigar.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foi acionado e constatou o óbito. O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) ficou responsável por remover o corpo da vítima.


Portal da Tropical 

SARGENTO É BALEADO EM FRENTE AO BATALHÃO DA POLÍCIA MILITAR EM NATAL

POR ISMAEL JEFFERSON

Um sargento da Polícia Militar foi baleado em frente a um batalhão da corporação, na noite de sexta-feira (25), na Zona Leste de Natal. Nenhum suspeito foi preso.

O crime aconteceu na frente do 1º Batalhão da PM, na avenida Engenheiro Hildebrando de Góis, na Ribeira.

Segundo a polícia, o militar de 45 anos chegava ao local para trabalhar, quando criminosos começaram a disparar contra o carro dele. O sargento foi atingido no pé. Outras marcas de tiros ficaram no veículo.

A suspeita inicial da polícia é de que os tiros teriam partido dos ocupantes de um carro modelo Uno de cor vermelha, que fugiram do local.

Ferido, o militar conduziu o próprio carro até o Hospital dos Pescadores, no bairro das Rocas, em busca de atendimento.

Após receber cuidados iniciais na unidade, o homem foi transferido para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, no Hospital Walfredo Gurgel.


G1/RN

DUAS PESSOAS MORREM E TRÊS FICAM FERIDAS ENTRE CARRO E CAMINHÃO NA BR-304 NO INTERIOR DO RN

POR ISMAEL JEFFERSON


Duas pessoas morreram e outras três ficaram feridas em um acidente entre carro e caminhão registrado na manhã deste domingo (26) na BR-304, entre os municípios de São Pedro e Santa Maria, no interior do Rio Grande do Norte.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), por volta das 8h15 da manhã, foi registrada uma colisão frontal entre um carro de passeio e um caminhão. A corporação não informou o que teria causado o acidente.

O carro trafegava com quatro pessoas, duas morreram no local e as outras duas ficaram presas as ferragens. Uma equipe do Corpo de Bombeiros esteve no local para auxiliar na remoção das pessoas, que foram atendidas por unidades do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Em um dos casos foi acionado um helicóptero do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciopaer) para transportar um dos pacientes com maior brevidade para o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal. Por outro lado, o motorista do caminhão sofreu lesões leves.

Além da Polícia Rodoviária Federal e do Corpo de Bombeiros, equipes da Polícia Civil e do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) também foram acionados para atender essa ocorrência.

G1/RN

ASSISTA NA TV: VEREADORA DE ITAJÁ GANHA PRÊMIO DESTAQUE DA MÍDIA PELA ACESSORIA E PESQUISA DE GESTÃO LOGOS EM ALEXANDRIA/RN

POR ISMAEL JEFFERSON


ASSÚ E MACAU REGISTRA ACIDENTES COM VÍTIMAS FATAL NESTE DOMINGO (26)

POR ISMAEL JEFFERSON


 


A manhã do domingo (26) de novembro de 2023, foi marcado por vários registros de acidentes com vítimas fatal no interior do RN.

ASSÚ/RN




O acidente que matou uma mulher na manhã de domingo, 26 de Novembro de 2023, foi oficialmente identificada no local, pelas forças de segurança pública que estiveram realizando os procedimentos no local.

Rosana Rocha, conduzia uma motocicleta Honda CG 125 titan, de cor vermelha, e placa MYE-9J36, de Assú. A moto pertence a própria vítima que morreu na hora. 

De acordo com informações a polícia militar  aponta que Rosana, seguia sozinha na sua moto, e teria sobrado na curva, seguindo em direção ao canteiro central da via, onde o pneu dianteiro colidiu no meio fio, causando a queda com o forte impacto da cabeça com uma mureta de concreto, instalada no local para receber a fiação da iluminação pública do local.

A moto ficou quase no meio da pista, e Rosana, teve morte instantânea. Vítima usava o capacete que quebrou ao meio, com a forte batida. Ela ficou com ferimento grave na cabeça, causando perda de massa encefálica, espalhada próximo ao local.

A mãe da vítima, chegou ao local, e pelas vestes e moto, reconheceu que o corpo tratava-se da sua filha, que provavelmente voltava de alguma festa na região. O ITEP esteve no local, removendo o corpo, após os trabalhos realizados pela Força Tática, NORE e DEMUTRAN.



MACAU/RN


Na madrugada deste domingo (26), um trágico acidente tirou a vida de Leandro, residente no distrito do Papagaio, Macau, aos 27 anos. A vítima retornava de uma seresta na cidade quando o acidente ocorreu, levantando dúvidas sobre as circunstâncias que resultaram em sua morte.

Ainda não há clareza sobre as causas do acidente que vitimou Leandro. Se ele perdeu o controle da moto ou foi atropelado por outro veículo, são incertezas que a perícia, responsável pela elaboração do laudo, buscará esclarecer nos próximos dias.

O local do incidente, na BR-406, demandou a presença da Polícia Rodoviária Federal, que providenciou o isolamento da área até a chegada do ITEP. Este órgão realizou a perícia técnica e a remoção do corpo, contribuindo para a investigação das circunstâncias que levaram à fatalidade.

O luto se estende pela comunidade de Macau diante da perda precoce de Leandro, enquanto as autoridades trabalham para desvendar os detalhes que envolvem esse triste episódio na rodovia.

- Redação Rádio Vale



MEDO E INSEGURANÇA MOTIVAM POTIGUARES A BRINDAREM VEÍCULOS

POR ISMAEL JEFFERSON


 Ícaro Carvalho
Repórter

Uma filha sendo vítima de um sequestro relâmpago e outra tendo o carro baleado numa tentativa de assalto. Duas situações pessoais deixaram uma empresária potiguar, de 53 anos, assustada com o avanço da criminalidade e temendo pela sua segurança em Natal. As vivências das filhas motivaram a empresária a botar a mão no bolso e investir alto para blindar seu carro e ampliar sua segurança pessoal. A blindagem veicular tem aumentado no Rio Grande do Norte, com mais que o dobro de operações sendo feitas em 2023 em comparação a 2022, segundo informações de interlocutores do setor e da Associação Brasileira de Blindagem (Abrablin).

Apesar do aumento e da demanda existente no Estado, o mercado é tímido e apenas uma empresa faz o serviço no RN, com grupos do Ceará e Pernambuco absorvendo parte do mercado consumidor.


A Exotic Blindagem, localizada em Natal desde 2018, é a única no Estado a promover o serviço. As blindagens têm custos de R$ 70 a R$ 170 mil, a depender do material e modelo do veículo, e têm prazos de cerca de 15 dias para entrega. Por mês, a média é de 8 a 10 blindagens. Em 2023, foram cerca de 70 serviços, contra cerca de 30 em todo o ano de 2022. Os donos da empresa, Henzo Costa e Betinho Costa, apontam que a insegurança, intensificação de crimes entre facções criminosas nas ruas e roubos de veículos motivam a procura pelas blindagens.


“Desde o que aconteceu no início desse ano [ataques de facções criminosas nas ruas] que se elevou a procura, com um incremento de cerca de 150%. Imagino que tem crescido por conta da criminalidade, da insegurança vivida no nosso Estado. A blindagem dura para sempre, tendo garantia de fábrica de determinado período”, aponta Henzo Costa.


Mesmo pensamento tem o gerente comercial regional da Locker Blindagens, empresa cearense com atuação no mercado potiguar. Segundo Miguel Arcanjo, entre 8 a 10 carros oriundos do Rio Grande do Norte são blindados por mês no Ceará atualmente.


“O mercado de blindagem do RN hoje, no Nordeste, só perde para o Ceará. É a segunda praça que mais consome veículos blindados”, avalia, acrescentando ainda que a instabilidade da segurança pública e a atuação das facções criminosas são fatores que motivam a procura. Por ser um forte mercado consumidor, a empresa avalia abrir filial no RN em 2024.


Ainda segundo Betinho Costa, o fato de ser um mercado difícil, com mão de obra específica e qualificada e ser uma atividade explorada recente no Estado explicam o fato de poucas empresas atuarem no RN com blindagem. A empresa dele, por exemplo, tem parceria com a Carbon, uma das maiores marcas do Brasil no tocante a blindagem. Os carros potiguares, inclusive, são levados a São Paulo para o serviço.

“Fortaleza tem um mercado de blindagem bem maior que Natal. Existe um histórico lá de tempo de trabalho, de parcerias. Nós fazemos a blindagem também, mas desde a parceria com a Carbon é mais viável enviar para São Paulo, pois tem as garantias. Mas se o cliente quiser, podemos fazer em Natal mesmo”, acrescenta Betinho Costa.


“Em Natal, vendi os primeiros blindados no final dos anos 90. Só que em Natal não tinha essa violência de assalto a carro, porque o trânsito incentiva isso, mas na capital potiguar o trânsito é “parado”, como tem no Rio ou em São Paulo. Então por isso que Natal talvez não tenha um volume tão substancial. Só que ano passado e recentemente tivemos situações envolvendo o crime organizado e as pessoas começam a pensar em se proteger. Uma empresa que investe nisso, tem custos altos”, analisa o presidente da Abrablin, Marcelo Silva, analisando ainda que o volume de blindagens em Natal não compensa para os empresários.

Após assaltos, família blindou veículo

Após experiências traumáticas envolvendo assaltos à mão armada e abordagens, potiguares têm recorrido à blindagem veicular como forma de se resguardar das ações criminosas de bandidos. Um desses casos foi de um empresário de 41 anos do Seridó do RN, que pediu para não ser identificado.


O potiguar mandou blindar seu veículo, um Compass. O custo para blindagem foi de cerca de R$ 76 mil, gasto que o potiguar não se arrepende de ter investido. Há alguns anos, chegou a ser abordado e assaltado por bandidos.


“Fiz a blindagem pensando na minha segurança, porque viajo muito. Já havia sido assaltado duas vezes e por ser do comércio, acabamos sendo visados. Numa delas eu estava guardando o carro na garagem, se ele fosse blindado teria entrado no carro para me salvar. Valor nenhum paga a vida da gente, por isso resolvi blindar meu carro”, disse.


Outra empresária potiguar, de 53 anos, resolveu blindar seu veículo, um Volvo xC60. Ela conta que se sentia insegura na cidade e em viagens para o Aeroporto Internacional Aluízio Alves. Os custos foram de cerca de R$ 85 mil.


“Já tive filha que foi sequestrada, numa ação relâmpago. O bandido ficou com ela no carro para fazer pix e pagamentos no cartão. E outra filha minha foi alvejada porque ela não parou. Isso me motivou a blindar meu carro. Foi um pouco caro, não blindei antes por conta justamente disso. Valeu muito a pena, me sinto realmente segura e blindada para buscar filhos, ir à aeroporto, paro em sinal tranquilamente. Sempre pagava às multas”, recorda.


Em Natal, os carros mais procurados para blindagem são Compass, Corolla, Toyota Cross, Renegade, Amarok, Hilux, entre outros, todos modelos que custam a partir dos R$ 150 mil se comprados 0km. Por ter alto custo, a blindagem veicular acaba sendo um produto voltado às classes sociais mais abastadas financeiramente.


O perfil de usuários de blindagem veicular são de empresários, médicos, juízes e pessoas responsáveis pelo transporte de altos valores. “Antes era só a classe AA, mas agora estamos atendendo clientes da B, C Alta. As pessoas estão preferindo comprar um carro mais barato e blindar, por exemplo”, acrescenta Betinho Costa.

Blindagem
A blindagem de um veículo no Brasil é regulamentada e fiscalizada pelo Exército Brasileiro por meio da Portaria nº 94/2019, editada pelo Comando Logístico. Para que o serviço seja feito, é necessário o preenchimento de uma série de requisitos e formulários, bem como a autorização do Exército. Aliado a isso, é necessário ter todas as certidões negativas e não ter antecedentes criminais.


A blindagem é uma camada de proteção colocada na parte externa do carro, sendo que na realidade a camada de proteção fica dentro do carro. Para que um carro seja blindado, é preciso desmontá-lo praticamente por completo.

Mercado segue em alta no Brasil, diz Associação

Nos primeiros meses do ano, mais de 13 mil veículos receberam a proteção diante do medo da violência urbana, segundo dados da Associação Brasileira de Blindagem (Abrablin). De janeiro a junho deste ano, foram blindados 13.936 veículos, número quase 20% maior do que o mesmo período de 2022 (11.710 blindagens automotivas).


Segundo números do Exército Brasileiro, órgão responsável pela regularização do segmento, os maiores registros de blindagens automotivas no período foram em São Paulo (11.810 veículos blindados), seguido pelos estados do Rio de Janeiro (834), Ceará (521), Pernambuco (313) e Rio Grande do Sul (220).


“Diariamente, os veículos de imprensa noticiam as ações cada vez mais violentas e ousadas dos criminosos. Em São Paulo, por exemplo, temos observado o crescimento espantoso dos roubos de celulares, quando os bandidos quebram o vidro do carro para cometerem o delito. Esse cenário de fato cria um ambiente de completo medo e quem tem recursos vem buscando na blindagem a proteção”, destaca Marcelo Silva, presidente da Abrablin.


De acordo com a associação, o segmento vem batendo recorde ano após ano. Em 2021, chegou a ultrapassar 20 mil blindagens no período. Em 2022, bateu um novo recorde com a blindagem de 25.916 veículos. “Para 2023, caso o número de pedidos se mantenha aquecido como foi neste primeiro semestre, devemos observar um novo ápice de blindados no país”, diz Silva. A Abrablin estima que a frota blindada no Brasil esteja em cerca de 325 mil carros. A proteção mais praticada é a de nível III-A, que garante proteção contra todos os tipos de armas curtas (pistolas e revolveres).


Entre 2019 e 2022, as marcas que mais tiveram carros blindados foram Toyota, Jeep, Volkswagen, BMW e Volvo, sendo atualmente os modelos SUVs os que mais estacionam nos pátios das blindadoras para receberem a proteção.




PREÇO DO GÁS DE COZINHA ULTRAPASSA RECORDE HISTÓRICO EM 71 MUNICÍPIOS BRASILEIROS


POR ISMAEL JEFFERSON
 

O preço do gás de cozinha ultrapassou em novembro, em 71 municípios brasileiros, a maior média nacional semanal do século, de R$ 113,66, registrada entre os dias 10 e 16 de abril de 2022. Na cidade de Tefé, no Amazonas, o botijão chegou a superar em quase 34% o recorde histórico, com o vasilhame de 13 quilos do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) sendo comercializado a R$ 152, o preço mais caro do País, informou o Observatório Social do Petróleo (OSP), com base no Levantamento de Preços de Combustíveis da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).


A agência verificou que o valor do botijão de gás em 456 municípios do Brasil, na semana de 12 a 18 de novembro, variaram de R$ 114 a R$ 152. Em 71 cidades os preços estão acima da marca da série histórica – que tem início em julho de 2001, quando o órgão regulador federal começa a divulgar os valores do gás de cozinha. Entre as capitais, Natal tem o 6º maior preço máximo para o GLP: R$ 128,00. O preço médio foi de R$ 97,00, e o mínimo de R$ 85,00.


Os preços na capital do Rio Grande do Norte ficaram atrás de Manaus (R$ 145,00); Belém e Boa Vista (R$ 144,00); Campo Grande e Cuiabá (R$ 135,00); Goiania e Palmas (R$ 130,00); e Belo Horizonte (R$ 129,00). A análise do Observatório mostra que seis das 10 cidades com preços mais elevados estão na região Norte, que é abastecida parcialmente pela Ream (Refinaria da Amazônia). A unidade de refino, que completa em dezembro próximo um ano de privatização, tem sido a recordista nacional dos combustíveis mais caros, segundo o OSP.


Na lista geral dos 71 municípios acima do recorde do século aparecem três cidades do estado do Rio de Janeiro e três de São Paulo. No Rio, Macaé cobra R$ 123 pelo botijão e é o município com o preço mais caro do Estado. Logo em seguida estão Itaguaí (R$ 121) e Angra dos Reis (R$ 114,84). Em São Paulo, o maior custo do gás de cozinha foi constatado em Marília (R$ 114,44), seguido por Itapeva (R$ 114,16) e Guarujá (R$ 114,09).


A lista das 10 cidades brasileiras com custo mais alto do gás de cozinha inclui três municípios no Amazonas, três em Mato Grosso, dois em Rondônia, um em Roraima e um na Bahia. Tefé (AM) é a cidade com preço mais elevado do Brasil, seguida por Alta Floresta e Sinop, ambos municípios do Mato Grosso, onde o vasilhame é vendido a R$ 145 e R$ 138,63, respectivamente.


A cidade de Tefé está localizada a apenas 180 km do Polo Urucu, a maior reserva terrestre de gás natural do País, e é o ápice da contradição que justo nessa região a população seja condenada a pagar os preços mais altos”, disse em nota o secretário geral da Federação Nacional dos Petroleiros (FNP), Adaedson Costa.


Segundo ele, essa situação é fruto da privatização. “Por isso defendemos a urgência de a Petrobras voltar a ser uma empresa integrada de petróleo, como são todas as grandes petrolíferas mundiais, reestatizar refinarias, distribuidoras, gasodutos e campos de exploração”, destacou.

O economista Eric Gil Dantas, do OSP e do Instituto Brasileiro de Estudos Políticos e Sociais (Ibeps), aponta dois fatores que explicam a concentração dos maiores preços no Norte do Brasil.


“O primeiro motivo é que a média ponderada dos preços praticados por produtores e importadores nessa região está 24% acima da média nacional, de acordo com dados da ANP. E grande parte dessa alta se deve à privatização da refinaria. O segundo fator é que a região tem a maior margem de distribuição e revenda, devido aos custos mais elevados de transporte/logística, sendo R$ 9 (18%) superior à média nacional”, afirmou.